Provas extraordinárias do CNU: entenda como vai funcionar

Author:


Na manhã desta quinta-feira (04/07), a ministra Esther Dweck, líder do Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos (MGI), divulgou uma série de alterações nas regras do Concurso Nacional Unificado (CNU). Entre elas está a aplicação de provas extraordinárias do CNU para alguns candidatos.

continua depois da publicidade

Segundo a ministra, a data de prova será mantida no dia 18 de agosto de 2024 para todos os candidatos. Contudo, em casos específicos, poderá ser solicitada a aplicação de uma prova extra. Essa novidade foi inspirada nas enchentes do Rio Grande do Sul, que aconteceram numa proporção inesperada.

Dweck explicou que o objetivo por trás dessa nova regra é não precisar alterar novamente o cronograma de provas e, ao mesmo tempo, garantir que todos os candidatos tenham acesso às avaliações sem prejuízo. Para isso, foram estabelecidos critérios que precisam ser seguidos à risca.

Critérios das provas extraordinárias do CNU

Uma das principais alterações no edital foi a instituição de avaliações extras, além das já previstas no cronograma, que informa a realização das provas escritas na provável data de 18 de agosto de 2024. De acordo com Dweck, as provas extraordinárias do CNU serão aplicadas em caso de “ocorrência de evento excepcional e imprevisível de grandes proporções”, como aconteceu no Rio Grande do Sul.

➡️ CRIAMOS E IMPRIMIMOS SEU CURRÍCULO SEM CUSTO📍 ECONOMIZE FAZENDO SEU CURRÍCULO CONOSCO! TUDO GRÁTIS! ➡️ Para ajuda, clique aqui.

Ou seja, se uma nova calamidade de magnitude semelhante atingir qualquer parte do país, os candidatos vitimizados por esse evento terão direito a uma reaplicação das provas em outro dia. As avaliações excepcionais serão totalmente diferentes da original formatada pela organização do concurso e contarão com edital próprio.

Nesse novo documento, será explicitada a data de aplicação e as demais regras relacionadas à etapa escrita. Mas isso não configura reabertura de inscrição. Portanto, só poderão participar das provas extraordinárias do Concurso Nacional Unificado quem cumprir os seguintes requisitos:

  • Já for inscrito no Enem dos Concursos; e
  • Residir ou tiver escolhido como local de prova um município atingido pela calamidade.

Além disso, outros critérios gerais para a reaplicação também foram liberados. Só haverá avaliação extra caso a ocorrência emergencial atinja, no mínimo, 0,5% dos candidatos inscritos. Então, a partir disso, a banca Cesgrario deverá informar o MGI e solicitar novas provas.

A partir disso, o Ministério vai avaliar o cumprimento dos critérios e definir nova data, bem como lançar o edital específico. Vale ressaltar que essa prova não será para concorrência das 6.640 vagas e sim para oportunidades suplementares.

Outras novidades do Concurso Nacional Unificado

As provas extraordinárias do CNU 2024 não foram a única novidade divulgada na coletiva de imprensa do MGI. A ministra Esther Dweck afirmou que os editais passaram por retificações em sua estrutura e serão republicados.

Em sua explicação, a líder do Ministério afirmou que foi incluída a possibilidade de solicitação de cancelamento da inscrição e devolução de taxa para quem já sabe que não poderá fazer a prova no dia 18 de agosto. De acordo com Dweck, a mudança da data provavelmente deve chocar com compromissos marcados antecipadamente pelos candidatos e, nesse caso, eles poderão receber o dinheiro da taxa de volta.

Outra situação informada pelo MGI é a de alteração de cidade de realização da prova. A novidade é que pessoas que residem no Rio Grande do Sul ou que fariam prova nesse estado poderão solicitar a mudança de local de aplicação.

O período estipulado para qualquer um dos pedidos citados acima será de 05 a 07 de julho de 2024. Ou seja, os candidatos terão os próximos três dias para atualizar o seu status de inscrição (fazer o cancelamento) ou requerer alteração no local de prova.

Cronograma CNU 2024 foi atualizado

Todas as etapas do Enem dos Concursos sofreram alterações e constarão nos editais que devem ser republicados ainda nesta quinta-feira. Segundo o novo cronograma, as datas que se seguem são:

  • 05 a 07 de julho 2024 – cancelamento de inscrição e devolução de taxa ou alteração de local de prova;
  • 07 de agosto de 2024 – liberação do cartão de confirmação;
  • 18 de agosto de 2024 – aplicação das provas (os gabaritos devem sair às 20h desse mesmo dia);
  • 20 de agosto de 2024 – divulgação dos resultados preliminares;
  • 21 de novembro de 2024 – divulgação dos resultados finais;
  • Dezembro de 2024 – curso de formação para os candidatos que farão essa etapa;
  • Janeiro de 2025 – convocação, nomeação e posse.

Continue acompanhando o Concursos no Brasil para ficar por dentro de tudo que acontece com o Concurso Nacional Unificado e outros certames.



Source link

  • Veja mais vagas de empregos aqui: https://ismaelcolosi.com.br.
  • Veja mais vagas de empregos aqui: https://ismaelcolosi.com.br.
  • Leave a Reply